Por Alisson, PR7GA

Hoje em dia não é mais assim, mas houve uma época em que havia uma limitação significativa para a performance dos músicos num palco: os FIOS. Era uma época em que, especialmente para bandas de rock'n roll, um músico sempre deveria se lembrar de que não poderia ir muito longe... Senão, seria desligado, literalmente.

Estamos falando dos anos 60 e 70. Naquela época, já haviam estudos e também equipamentos comerciais que ofereciam a possibilidade de um músico se libertar dos fios por meio de um transmissor de rádio que enviava os sinais de seu instrumento, incluindo sua voz, até a "mesa" de som. Porém todos estes sistemas sofriam do mesmo mal: por conta das características das ondas de rádio que são refletidas, refratadas, atenuadas etc, por objetos diversos, o sinal sempre caía, ou eram reproduzidos ruídos na hora daquele "solo" épico. 

Até que um jovem engenheiro e radioamador chamado Ken Schaffer, N2KS, inventou um sistema que resolvia com maestria estes e outros problemas. Sendo radioamador desde os 11 anos, Ken conhecia os meandros das ondas eletromagnéticas, pois gostava de montar suas próprias antenas e equipamentos. E como engenheiro, ele tinha o know-how técnico e teórico para atacar o problema.

O que seu sistema tinha de diferente? Ken notou que os problemas basicamente se localizavam no receptor. Durante uma apresentação, à medida que o músico ou cantor andava pelo palco, o sinal vindo do seu transmissor portátil era refletido e perturbado pelos outros músicos, fios, estruturas metálicas e outros obstáculos, e assim, era impossível manter um sinal constante. Porém, o pulo do gato foi que ele teve a ideia de juntar dois receptores totalmente independentes, cada um com sua antena, separados por uma distância adequada.


O sistema transmissor-receptor sem fio inventado por Ken. Note as antenas, utilizando nossos conhecidos conectores "UHF" ou PL259.

Sabe-se que quando se tem dois receptores assim, o sinal do transmissor quase sempre estará sendo recebido por pelo menos um deles, ainda que o outro sofra degradação devido aos problemas citados. Ken juntou os dois receptores e também projetou um circuito que continuamente compara os sinais recebidos pelos dois e automaticamente seleciona o receptor com o melhor sinal, em tempo real, e de forma transparente ao usuário.

Além disso, utilizando uma inteligente junção de um compressor no transmissor e um expansor no receptor, o sistema de Ken permitia aumentar e muito a relação sinal ruído de cerca de 70dB nos sistemas comuns para cerca de 100dB utilizando sua invenção, o que significava um som limpo e livre de ruídos.

O sistema, batizado de "Schaffer Vega Diversity System" (SVDS). era tão bom e revolucionário que se tornou um sucesso, provocando uma revolução no mundo dos palcos. Bandas famosas começaram a utilizar o sistema como o KISS, Pink Floyd, AC/DC, Van Halen, The Grateful Dead, Rolling Stones, entre outras. Ele primeiro lançou um sistema para guitarristas, mas em seguida lançou um microfone sem fio também.

A banda AC/DC tornou famoso o sistema, já que é dito que o timbre único que o guitarrista Angus Young conseguia em sua guitarra se devia ao sistema de Ken, já que ele adicionava nuances ao som da guitarra por meio de harmônicos que eram inigualáveis na época. O próprio guitarrista afirmou que a única coisa que usava em sua guitarra era o sistema de Ken.


Ken Schaffer e o guitarrista do AC/DC, Angus Young, em 1977 quando este recebeu seu primeiro sistema sem fio.

Em seguida ao sucesso, e também devido a mudanças no regulamento de telecomunicações que inviabilizou o uso de seu sistema sem fio, Ken partiu para outros projetos, como um sistema de rastreamento de satélite baseado no pequeno computador Apple II que permitia captar os sinais dos satélites que transmitiam a programação de TV da União Soviética no início dos anos de 1980, um feito extraordinário que chamou a atenção dos Estados Unidos na época.

Porém, ele é mais lembrado pelo seu invento na área da música. Inclusive, além de resolver o problema do áudio, o sistema de Ken também evitou inúmeros acidentes no palco por conta de choques elétricos. Uma das bandas que primeiro utilizou o sistema foi o KISS, cujo guitarrista, Ace Frehley, quase morreu eletrocutado em um show devido a uma descarga elétrica por meio de sua guitarra.

De fato, foi uma revolução que mudaria este mercado para sempre. Foi o primeiro sistema sem fio chamado "true diversity". Hoje em dia, marcas famosas como Shure, AKG e outras fornecem equipamentos sem fio e estampam esta expressão. Tudo começou com um engenheiro e radioamador chamado Ken Schaffer, N2KS.

Fontes:
https://gasbr.net/segredo-timbre-acdc-svds-ken-schaffer
https://www.ultimate-guitar.com/news/interviews/wireless_guitar_system_inventor_remembers_working_with_pink_floyd_acdc_van_halen_jimi_hendrix_and_others.html
https://forums.qrz.com/index.php?threads/rock-roll-technology-innovation-from-amateur-radio.673449/
http://www.bel7infos.eu/ken-schaffer/

Receba em seu celular e em primeira mão as notícias publicadas no QTC da ECRA!

Se você usa Whatsapp, acesse ZAP.ECRA.CLUB
Se você usa Telegram, acesse TELEGRAM.ECRA.CLUB

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem